A Garden-Piazza
Os espaços abertos ao público pelo projeto Nuvola incluem uma grande piazza com jardim, que engloba dois edifícios para unir os edifícios históricos e novos do bloco Nuvola, criando uma nova conexão de pedestres entre a via Ancona e a via Bologna, ao longo do eixo anteriormente interceptado pela via Parma. O átrio da nova sede da Lavazza é um espaço aberto coberto que liga a praça central com acesso aos escritórios e ao Museu Lavazza em direção à piazzale Brescia.
Os assentos na praça consistem em longos bancos de granito branco da Sardenha que se elevam do chão em linhas sinuosas que definem os caminhos e criam lugares íntimos de descanso perto dos jardins. Uma fonte central contribui para o microclima, protegido do ruído e da desordem visual da cidade.
Uma densa cobertura de arbustos e forrações adornam as superfícies levemente elevadas das áreas verdes, criando grandes massas compactas e um fundo de árvores. A seleção das plantas favoreceu espécies com dimensões e sistemas radiculares adequados à profundidade do solo, preferindo espécimes resistentes à adversidade mais comum das plantas e cobrindo toda a superfície sob a copa das árvores com arbustos e elementos herbáceos para evitar grandes áreas de relva que exigem manutenção regular. A inclusão de árvores e arbustos floridos, equilibrados entre plantas decíduas e perenes, garante florescência constante ao longo das estações, da primavera ao outono. Particular atenção foi dada para incluir espécies aromáticas como osmanthus, sarcococca, lilás e filadelfo.
O estacionamento público foi criado nos dois andares do subsolo abaixo da praça, com entrada separada para as vagas de estacionamento da Lavazza.