Slow Food
A magia da transformação.
Do sifão à cafeteira chemex, passando pela extração a frio; de coado ao aeropress, não esquecendo da cafeteira moka padrão, o espresso é certamente a expressão tradicional de café e nós lhe diremos porque ele não é o único.
Cafeteira moka
Cafeteira moka
O ícone italiano incontestado

A cafeteira moka é uma cafeteira de pressão projetada por Alfonso Bialetti em 1933. Em 1979, a Lavazza lançou Carmencita, inspirada pelo mesmo personagem das campanhas publicitárias dos anos sessenta e criado pelo designer Marco Zanuso. Na xícara, a cafeteira moka oferece café com um sabor jovem, corpo médio e aroma intenso.

Sifão – Vácuo
Sifão – Vácuo
Café para os olhos festejarem também

As origens desta cafeteira espetacular podem ser encontradas em algum lugar entre a Alemanha do século XIX e os Estados Unidos no início do século XX. Era originalmente feita de vidro e muito lenta – o café começava a partir de uma infusão controlada seguido de filtragem nas duas câmaras do sifão. É uma preparação para ser saboreada com um café extremamente limpo e leve.

Chemex
Chemex
A cafeteira que conquistou o MoMA

Esta cafeteira de filtro foi projetada pelo alemão Peter Schlumbohm em 1941. Seu design sofisticado e minimalista, claramente inspirado em vidraria de laboratório, foi exposto no MoMA em Nova York. Ela permite que você prepare um café com filtro manual em quantidades suficientes para fornecer mais xícaras. A técnica e o produto dão vida a uma xícara elegante com complexidade aromática elevada.

Pour-Over – V 60
Pour-Over – V 60
Café, filtro de papel e geometria

Este é o sistema de café filtrado “na xícara”, inventado na Alemanha por Melitta Bentz em 1908. Um filtro de papel especial é colocado no recipiente cônico e perfurado. Ambos têm uma forma cônica com um ângulo de 60°, daí o nome. Este sistema permite que você prepare rapidamente uma xícara de café filtrado para desfrutar plenamente da fragrância do café coado na hora.

Prensa francesa
Prensa francesa
A escolha certa para um café rico em sabor

Esta cafeteira de êmbolo foi inventada na França em meados do século XIX. A prensa francesa faz café, mergulhando-o em água quente e, em seguida, usando o filtro do êmbolo para separar o pó do café. O café produzido é aromático e encorpado.

Café gelado
Café gelado
O segredo para um café frio de qualidade

O café extraído a frio é nativo a Indonésia. Os comerciantes holandeses o trouxeram para a Europa do Japão e o café tornou-se um verdadeiro produto cult nos últimos dez anos. É extraído coando-se lentamente, e oferece um café suave e aromático, sem acidez ou notas amargas.