• Imprimir
  • Marcar

JAVA (INDONÉSIA)

Mistérios e lendas: o Luwak e as antigas tradições

JAVA (INDONESIA) - Mystery and legends: the Luwak and ancient traditions JAVA (INDONÉSIA) Mistérios e lendas: o luwak e as antigas tradições




Em se tratando de cultura do café, Java é a ilha mais interessante da Indonésia, graças à coexistência de várias comunidades: hindu-budista, oriental, muçulmana e ocidental. O café só chegou a Java em 1706. Foi importado por mercadores holandeses que queriam cultivar a planta em um clima tropical. As primeiras colheitas da variedade de Java foram um sucesso surpreendente, mas uma epidemia de ferrugem do café levou à preferência por variedades mais resistentes.

A ilha possui uma variedade extremamente valiosa, quase lendária: luwak, que pode atingir valores extremamente altos. Essa variedade é obtida graças ao processo digestivo do luwak, um pequeno mamífero que adora se alimentar de grãos de café. Aparentemente, as enzimas digestivas do animal reduzem o amargor do café e lhe garantem um aroma especial.



Em Java, o café também faz parte de uma tradição misteriosa, o culto do Búfalo Branco, um animal mágico a quem são oferecidas bananas e café. Também é importante em cerimônias funerais, onde a despedida é feita com uma xícara de café e um pacote de charutos locais. O café também é usado em rituais de beleza e bem-estar, como massagens, esfoliações e máscaras faciais, que aproveitam ao máximo suas propriedades cosméticas e terapêuticas.
 

JAVA - The recipes RECEITAS





Kopi Santen - Café com creme de coco

Ingredientes:

  • 1/2 coco
  • 1 colher de chá cheia de pó de café
  • 2/3 de copo de água fervente
  • 1/3 de copo de creme de coco
  • 3 colheres de chá de açúcar de palma
  • água quanto baste

Preparo do creme de coco:
Escolha um coco maduro que tenha bastante água. Faça um furo na casca da fruta, pressionando uma das três aberturas superiores, extraia todo o líquido e reserve.




Use um objeto pesado e resistente para bater em toda a superfície da fruta, girando-a na palma da mão para que a polpa se descole mais facilmente da casca. Depois, com um golpe firme, abra a casca e separe-a da polpa. Rale metade da fruta em uma vasilha. Cubra com a mesma quantia de água, misture bem, depois coe e esprema a mistura para extrair o máximo possível de creme de coco. Reserve. Para facilitar, use creme de coco pronto, que pode ser encontrado em mercados de produtos orientais.
 

Preparo
Acrescente uma colher de chá cheia de café em um copo e encha com 2/3 com água fervente. Adicione o açúcar e misture com cuidado para dissolver. Despeje o creme de coco e sirva.
 

Variações
Na Indonésia Ocidental, faz-se uma versão temperada com especiarias, chamada bajigur.



Kopi telur madu -  Café com gema de ovo e mel

Ingredientes (para 1 porção):

  • 1 colher de chá cheia de café
  • 3 colheres de chá de açúcar de palma
  • 1 gema de ovo
  • 4 colheres de chá de mel
  • água fervente

Preparo
Adicione três colheres de chá de açúcar de palma, uma colher de chá de café e uma gema de ovo em um copo e mexa até obter uma mistura fluida e cremosa. Cubra com água fervente e adoce com quatro colheres de mel, mexendo sem parar para misturar todos os ingredientes. Sirva quente.

 

Kopi Jahe - Café com gengibre

Ingredientes (para 1 porção):

  • 1 colher de chá cheia de pó de café
  • 1/2 colher de chá de gengibre em pó
  • 3 colheres de chá de açúcar de palma
  • 1 copo de água fervente

Preparo do gengibre em pó
Lave bem um pedaço de gengibre, corte em fatias finas e seque no forno em fogo baixo. Retire quando estiver bem seco, triture em um pilão e peneire.
 

Preparo
Coloque o café com o gengibre e o açúcar de palma no fundo de um copo. Cubra com a água fervente, mexa bem e sirva bem quente.